O que você não sabe que você não sabe
[ ONLINE ]
Como usar a curadoria de conhecimento para ampliar o seu repertório

Estamos presos em nossos próprios interesses. A treta é grande: os algoritmos do Google e do Facebook nos restringem cada vez mais ao confortável terreno do já conhecido. Sabemos que um repertório vasto é um diferencial relevante nesse contexto. Como podemos, hoje, derrubar o cercadinho e descobrir ilhas desconhecidas do saber?

Neste curso você aprenderá como o seu gosto é construído e desenvolverá as ferramentas de um curador de conhecimento para contorná-lo e expandir seu leque de possibilidades neste mundão de interesses segmentados. Aqui você encontrará teoria e prática em aulas curtas e leves. Desvende seu inimaginável.

20 aulas exclusivas com curadores
20 recomendações de conteúdos
7 horas (pelo menos) de dedicação
Assista as aulas a qualquer momento.
PRÉ-REQUISITOS
Você precisa ter um inglês nota 7 para cursar
Você terá até 6 meses para concluir o curso
Professores
Tulio Custódio

Sociólogo e escritor. Curador de conhecimento desde 2011, mergulhou nas culturas de países como Brasil, Colômbia e México, além de ter estudado profundamente questões como raça e gênero.

Professores
Débora Emm

Criadora da Inesplorato. Cientista social e publicitária. Curadora de conhecimento desde 2010, já estudou dezenas de temas muito distintos entre si como, por exemplo, o amor e o intestino.

Professores
Patricia Chmielewski

Poeta e publicitária. Curadora de conhecimento desde 2016, investigou temas como narrativas complexas, crise das intermediações e criatividade para pessoas e empresas.

Professores
Michele Okuhara

Publicitária. Curadora de conhecimento desde 2011, dedicou-se a estudos que envolviam gênero, alegria, youtubers, inovação e cores, entre outros.

R$ 420,00
Este curso está fechado no momento
Em breve, novas turmas.
Dúvidas?

CONTATO@INESPLORATO.COM.BR

Quer receber novidades da escola?
Obrigado! Seu e-mail foi inscrito com sucesso!
Opa! Algo deu errado com a sua inscrição.
Acreditamos que compartilhar conhecimento é fomentar revoluções